Secretário da agricultura de Boa Vista do Tupim desenvolve ações para convivência com a seca

O vice-prefeito Léo Satélite e o assessor Renildo são recebidos pelo deputado Pedro Tavares.
O vice-prefeito Léo Satélite e o assessor Renildo são recebidos pelo deputado Pedro Tavares.

O vice-prefeito Elielton dos Santos Teles, popular Léo Satélite (PMDB), atual secretário de agricultura do município de Boa Vista do Tupim manteve encontro, nesta terça feira, 21, com o deputado estadual Pedro Tavares (PMDB), na capital baiana, quando apresentou vários pleitos do interesse da administração do prefeito Helder Lopes Campos (PSDB), dentre os quais as ações para convivência com a seca no município, uma vez que o mesmo atravessa uma situação de emergência provocada pela estiagem.

Ação ambiental

Um ponto relevante apresentado ao deputado pelo vice Léo Satélite, foi a sugestão para que Tavares atue junto a Embasa para que a empresa volte seu olhar para uma contra partida social de revitalização e apoio as ações de preservação e reflorestamento da Bacia do Paraguaçu, uma vez que a Embasa é a maior exploradora comercial do manancial das águas do Paraguaçu para abastecimento das cidades através do seus sistemas de captação e redes de distribuição. Leo Satélite lembrou que “não existe hoje uma única ação da companhia no sentido de preservar o Paraguaçu e seus afluentes”.

Acompanhado do assessor Renildo Vasconcelos, o secretário pediu ao deputado para intermediar junto a Bahiatursa e a Secretaria de Cultura, apoio para a realização da tradicional Festa do Vaqueiro do município, “por ser um momento em que o homem do campo celebra com muita alegria a sua cultura “, salientou Leo Satélite.

Aproveitamento do Ouricuri

Técnicos orientaram os agricultores sobre o Plano Safra e aproveitamento do Licuri.
Técnicos orientaram os agricultores sobre o Plano Safra e aproveitamento do Licuri.

Outra ação desenvolvia por Léo Satélite a bem do homem do campo, foi encaminhar a equipe técnica da secretaria municipal de agricultura em reuniões itinerantes com as associações dos agricultores familiares, no interior do município, visando orientar para o aproveitamento do coco do Ouricuri, uma pequena palmeira da Caatinga também conhecida como Licuri. Os agricultores estão sendo orientados a participar do Programa de Aproveitamento das Oleaginosas, ofertado pelo governo do estado, que direcionará investimentos de R$10 mil até R$500 mil, para as associações com projetos aprovados através o Edital n° 08 aberto pela CAR (Companhia de Ação Regional) ligada a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR).

Participação ativas das associações.
Participação ativa das associações.

Os agricultores foram também orientados sobre a regularização de pagamentos pendentes do programa Garantia Safra e liberação de recursos retidos da safra 2015/2016, realizando o cadastro de produtores para limpeza de aguadas, e preparação de solo para o plantio da safra de inverno.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios