Prefeitura de Milagres inicia a recuperação das ruas da cidade com recursos próprios

A recuperação da cidade segue acelerada na Rua da Coréia, lateral da Av. Lomanto Junior, onde passa a BR-116.

Milhares de metros de pavimentação de ruas foram destruídos durante a tromba d’água que se abateu sobre a cidade de Milagres, no dia 3 de dezembro do ano passado. Apesar dos apelos junto à Defesa Civil dos governos Estadual e Federal, ancorado pelo decreto de Situação de Emergência baixado pelo prefeito Cézar de Adério (PP), nenhum recurso foi liberado para socorrer a cidade e os desabrigados ou afetados pela enchente. Na semana passada a Prefeitura colocou em ação seu Programa Emergencial de Recuperação das Vias Públicas, empregando mais de 30 trabalhadores e máquinas nos serviços de recomposição dos calçamentos e canais de esgotos destruídos.

Trabalhadores estão dedicados aos serviços de recomposição dos calçamentos.

“Não podíamos ficar parados esperando o socorro da Defesa Civil, com nossa cidade feia e maltratada”, justificou o prefeito Cézar de Adério, acrescentando que “Milagres recebe a cada dia muitos visitantes de todo o Brasil e compete ao nosso Governo da Reconstrução garantir conforto para todos, em especial para a mobilidade e bem estar da nossa população”.

Prefeitura acelera a recuperação das vias com recursos próprios.

As primeiras vias a receberem reparos são a Rua Lagoinha e a da Coréia, que margeia a grande Av. Governador Lomanto Junior, que serve de travessia da BR-116 (Rio-Bahia), que atravessa toda a extensão do perímetro urbano.

Milhões de paralelepípedos além de cimento e caçambas de areia, compõem o material utilizado na manutenção das ruas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios