PlayStation 5 | Kit de desenvolvimento aparece pela primeira vez em vazamento

Uma imagem supostamente pertencente ao kit de desenvolvimento do PlayStation 5 acabou vazando na web no último final de semana: de acordo com um tuíte publicado pelo usuário @Alcoholikaus, o visual é exatamente igual ao desenho exibido no registro de patente feito pela Sony no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI) em agosto deste ano. A veracidade da imagem acabou confirmada pelo jornalista Tom Warren, do site The Verge, que explicou que o formato em “V” possui duas funções: a primeira é a de otimizar o resfriamento da unidade, enquanto a segunda refere-se ao empilhamento de diversas máquinas a serem submetidas a testes de stress e durabilidade. PS5 anyone? pic.twitter.com/cBggZTIty4 -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- — The Drunk Cat™ (@Alcoholikaust) November 30, 2019
yes, this is the PlayStation 5 devkit. The reason it’s large and v-shaped is to make them more easily stackable for devs who are running multiple stress tests. The cooling is optimized to push air out of the sides and center https://t.co/pc3wJw2A6v — Tom Warren (@tomwarren) November 30, 2019
Naturalmente, a Sony não comentou sobre a imagem, mas é importante ressaltar que trata-se de um kit de desenvolvimento e não necessariamente corresponde ao que deve chegar às prateleiras. O PlayStation 5 está previsto para chegar às lojas até o final de 2020, segundo anunciado em outubro pela própria Sony, então é bem provável que o visual do produto final seja bastante diferente do que vemos aqui. Quanto ao que já se sabe sobre o aparelho, a Sony implementará armazenamento em SSD, fazendo com que o PlayStation 5 carregue os jogos e leia dados como carregamentos e salvamentos automáticos de forma bem mais veloz. Além disso, a unidade gráfica será um componente customizado com suporte a ray tracing criado pela AMD, o que deve conferir ao produto a capacidade de reproduzir até 8K de resolução. Mais detalhes incluem a retrocompatibilidade com gerações anteriores da família PlayStation — sobretudo o PlayStation 4 e o PSVR — e a instalação particionada de jogos: basicamente, para um jogo que contenha elementos para um jogador ou multijogador, o usuário poderá determinar o que ele deseja ver instalado primeiro, acelerando a execução de sua parte favorita do software enquanto o restante é baixado e instalado em segundo plano. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Essas FORAM as melhores ofertas da Black Friday. Mas ainda tem ofertas valendo! Mortal Kombat 11: o jogo que finalmente disse “não” para a sexualização A “cultura de cancelamento” foi eleita como termo do ano em 2019 Mais de R$ 3 milhões em produtos da Xiaomi são apreendidos na Black Friday em SP 10 dos filmes mais subestimados do século XXI

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios