Patente da Xiaomi revela possível smartphone com sete câmeras pop-up

Uma das mais recentes “ondas” no desenvolvimento de smartphones é o uso de câmeras “pop-up” no aparelho (câmeras que ficam escondidas no corpo do celular e “pulam” pra fora no momento que você abre o app para usá-las, voltando a se esconder assim que o aplicativo da câmera é fechado), mas uma nova patente da Xiaomi pode indicar que a empresa chinesa estuda levar esse design às últimas consequências.

Publicada pelo Escritório de Patentes da China (CNIPA), a patente da Xiaomi revela três diferentes designs para celulares com todas as câmeras do estilo pop-up, apresentando um máximo de sete câmeras do tipo em um único aparelho.

É possível ver nessa patente a idéia de um smartphone com duas câmeras frontais e que o mesmo aparelho poderia ter ainda duas, três ou até cinco câmeras traseiras — todas no estilo pop-up. Isso permitiria criar smartphones sem o famigerado “notch” na tela e com uma traseira totalmente lisa, apresentando um design bem diferente de qualquer smartphone que existe hoje no mercado.


Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.

Patente mostra três possíveis designs de smartphones com câmeras pop-up frontais e traseiras (Imagem: CNIPA)

Apesar disso, não se deve levar a revelação de patentes como uma “verdade absoluta” sobre o futuro da empresa, já que muitas vezes as companhias registram patentes apenas para proteger ideias que estão em estudo. Vamos esperar para ver.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

  • Vazamento de dados em site adulto atinge seis mil pessoas, incluindo brasileiros
  • Mulher tenta escapar do trabalho com o pior Photoshop de 2020 (até agora…)
  • Parceria oferece 100 mil vagas gratuitas em cursos de programação
  • Loja não-oficial da Xiaomi no Brasil desaparece e deixa clientes na mão
  • Galaxy S20: vazam especificações de câmeras com nova tecnologia e mais
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios