Obras da Avenida Central são inspecionadas pelo Prefeito em Boa Vista do Tupim

O prefeito Dinho, descontraído e de bermuda, inspeciona a obra em companhia de secretários.

Os trabalhos de construção da Avenida Central na cidade de Boa Vista do Tupim, que se encontram em fase de conclusão, foram inspecionados pelo prefeito Dinho (PSDB) na manhã do domingo (27). A obra tem papel importante na infraestrutura da cidade, vez que esse logradouro que mede mais de 1.000 metros, interliga o centro aos bairros Populares e Loteamento Público Nova Esperança.

Ao vistoriar os serviços de pavimentação a paralelepípedos com definições dos passeios laterais e canteiros ao centro, o prefeito Dinho comentou estar “satisfeito com a obra” anunciando que será inaugurada até o primeiro trimestre deste ano. Ele parabenizou os secretários e técnicos que vem conduzindo os trabalhos.

Durante a visita o prefeito ouviu informações dos técnicos e aprovou o andamento dos trabalhos.

Com a urbanização da Avenida Central, em breve a cidade ganhará um novo espaço público para lazer, atividades esportivas e recreação, pois está previsto a implantação de uma pista de cooper para uso da população realizar suas caminhadas.

Acompanhando o prefeito e esclarecendo os detalhes técnicos da obra, o secretário Mário Ribeiro, da Ordem Pública, ressaltou que “a avenida contará ainda com um novo projeto de iluminação pública e ganhará um projeto de arborização”.

A Avenida Central forma um eixo viário interligando os extremos da cidade. (Foto: Klébio Correia).

Salvador do Paraguaçu

Salvador do Paraguaçu ou Salvador Roger Pereira de Souza, é jornalista editor fundador do periódico O Paraguaçu em circulação desde 1976. Solteiro (divorciado) é um ambientalista dedicado em defesa do Rio Paraguaçu. Para tanto criou a ONG Fundação Paraguaçu, com a qual promove o Projeto Cariangó, que tem por meta o plantio de 1.0 milhão de árvores nativas na região do médio Paraguaçu e Chapada Diamantina. O projeto conta com a participação de empreendedores, muitos voluntários e recebe apoio da Fundação Interamericana - IAF, que firmou o convênio BR-898 com a doação de U$49.0 mil dólares, em apoio a etapa inicial da meta de 1.0 milhão de árvores a serem plantadas em cinco anos. O ano inicial é 2016.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios