Joyuson Vieira volta vitorioso e derrota Alberto Muniz com uma frente de 1941 votos em Utinga

Carismático e com o discurso certo, Joyuson é tri campeão eleitoral.
Carismático e com o discurso certo, Joyuson é tri campeão eleitoral. (Foto Cristiano Maia)

As eleições deste ano em Utinga promoveu a volta de Joyuson Vieira (PSL) à prefeitura, ancorado por uma vitória esmagadora, ao derrotar o atual prefeito Alberto da Muniz (PSD) com uma diferença de 1.941 votos. Em meio a uma disputa de três candidatos, Joyuson recebeu 5.335 votos, equivalentes a 55,41%, contra 3.394 do prefeito Muniz (35,25%) e 900 (9,35%) sufrágios de Jai Monteiro (PRB).  “De nada adiantou a campanha caluniosa do prefeito, recheada de mentiras e montagem de falsas ocorrências, pois o povo quis a volta de Joyuson, que é o maior líder popular da atualidade em nosso município”, lembra o vereador eleito e advogado, Jonas Karaoglan, campeão de votos da campanha.

Derrotado pela pose

As eleições em Utinga consolidou uma máxima popular reconhecida: “pose não rende voto”. Foi a empáfia de vencedor de Alberto Muniz que levou por terra seus sonhos de reeleição, depois de ter sido prefeito por três mandatos, foi presidente da União dos Municípios da Bahia – UPB e chegou a presidir Associação Brasileira de Municípios e era, atualmente, sem nenhum desempenho, presidente da Associação dos Municípios da Chapada Diamantina (AMCD).

Com uma administração pífia, apesar de contar com apoios de instâncias do governo estadual e federal, não trouxe novos investimentos nem conseguiu administrar com eficiência, com sua gestão marcada por decisões lentas e muitos débitos, deixando imensas lacunas de atendimento à população urbana e rural. 14264928_1084753508288070_3449819874047195649_n

 

Renovação na Câmara Municipal

Ocorreram substanciais mudanças na composição das cadeiras da Câmara Municipal de Utinga, formando novas bancadas no plenário. Pela coligação “A força do Povo”, liderada pelo prefeito eleito Joyuson Vieira, composta pelos partidos PSL / PSDB / PTN / PTB / PPL / PV / PP, foram eleitos seis vereadores, enquanto a futura bancada da oposição ligada ao prefeito derrotado, com as legendas PSD / PDT / PT / PSDC / PC do B / PSB / PR / DEM / PROS, ficou composta por 5 edis.

Por ordem de votação foram eleitos os seguintes vereadores: Dr Jonas Karaoglan (PTN) 657 votos  equivalentes a 6.71%; Bebeu (PSDB); 555, 5.67%, ; Antônio Arcênio (PSDB) 533, 5.44%,; Thalmo (PSD), 518, 5.29%; Nego do Pau Peba (PPL) 410, 4.19%; Luiz da Lagoa  Bonita (DEM); 407, 4.16%; Doutor Lucas (PROS) 390, 3.98%; Toinho Muniz (PSD) 388, 3.96%; Paulo Neto , (PSL) 365, 3.73%; Manoel de Cocota (PSDB) 352, 3.59%; e Sandro Costa (PSD) 313 votos, 3.20%.

A nova bancada da situação conta com os vereadores eleitos, Dr Jonas Karaoglan (PTN), Bebeu (PSDB), Antônio Arcênio (PSDB), Nego do Pau Peba (PPL), Paulo Neto (PSL) e Manoel de Cocota (PSDB).

O jovem advogado Jonas Karaoglan é o campeão de votos no legislativo.
O jovem advogado Jonas Karaoglan é o campeão de votos no legislativo. 
A dupla Joyuson e Átila publicaram nota de agradecimento nas redes sociais.
A dupla Joyuson e Átila publicaram nota de agradecimento nas redes sociais.

 

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios