Incêndio destruiu grande parte das reservas nativas da Serra Sarpa em Utinga

A grande queimada ameaçou destruir as instalações das antenas repetidoras na serra.

Focos de incêndio ainda ameaçavam se propagar e elevar os estragos no alto da Serra Sarpa, no município de Utinga, na segunda-feira, 5, quando foram combatidos por brigadistas e até duas aeronaves de combate ao fogo florestal, cedidas pelo Governo do Estado. O fogo foi finalmente contido e debelado, como mostram as imagens aéreas que chegaram à redação de O Paraguaçu e outras que circularam nas redes sociais e grupos de WhatsZapp.

Últimos focos de incêndio foram eliminados por jatos de água lançados por aeronaves de combate ao fogo.

O prefeito Joyuson Vieira foi dos primeiros a comemorar ao lado dos brigadistas e voluntários que se dedicaram ao combate, tendo divulgado nota em que destacou: “A união faz a força e vence o fogo”.

Gratidão

O prefeito descreve que desde sexta-feira, 02, o Município de Utinga vem somando forças com populares, servidores públicos, voluntários utinguenses e das cidades vizinhas, proprietários rurais, além da Polícia Militar e Governo do Estado da Bahia, em enfrentamento às chamas vorazes que se alastraram na região de Pé de Serra/Sarpa.

Aliviados, os brigadistas e técnicos posam como heróis contra o crime ambiental,

Comemorando a vitória contra o incêndio florestal, Joyuson agradece: “Mais uma vez, obrigado ao Governo do Estado da Bahia pela estrutura, inclusive aérea, mobilizada, mormente à Secretaria Estadual de Meio Ambiente, à Polícia Militar, aos bombeiros, aos voluntários, aos crédulos, pelas rezas e orações, aos Deputados Marcelo Nilo e Marcelo Veiga, pelo apoio, a todos que direta ou indiretamente nos ajudaram e a Deus, pela proteção e ausência de vitimas humanas”. Finalizando o prefeito destacou o desempenho do Vice-Prefeito Atila Karaoglan, do secretário João Dantas e auxiliares e toda equipe municipal envolvida no combate às chamas no alto da serra.

Salvador do Paraguaçu

Salvador do Paraguaçu ou Salvador Roger Pereira de Souza, é jornalista editor fundador do periódico O Paraguaçu em circulação desde 1976. Solteiro (divorciado) é um ambientalista dedicado em defesa do Rio Paraguaçu. Para tanto criou a ONG Fundação Paraguaçu, com a qual promove o Projeto Cariangó, que tem por meta o plantio de 1.0 milhão de árvores nativas na região do médio Paraguaçu e Chapada Diamantina. O projeto conta com a participação de empreendedores, muitos voluntários e recebe apoio da Fundação Interamericana - IAF, que firmou o convênio BR-898 com a doação de U$49.0 mil dólares, em apoio a etapa inicial da meta de 1.0 milhão de árvores a serem plantadas em cinco anos. O ano inicial é 2016.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios