Gêmeas nascem de mãos dadas e causam comoção em sala de parto nos EUA

Divulgação/Akron Childrens Hospital

Poder celebrar o Dia das Mães com as filhas recém-nascidas foi um grande presente para a americana Sarah Thistlewaite, após uma gravidez complicada. Jenna e Jillian nasceram na última sexta-feira (09/05) em Akron (Ohio, EUA) e causaram comoção em toda a equipe médica da sala de parto. Isso porque as garotas simplesmente nasceram de mãos dadas. Para retirar as crianças da barriga da mãe, os médicos precisaram fazer um esforço e agir com precisão já que as meninas, prematuras, não queriam se desgrudar.

Bill, pai das crianças e a mãe emocionada com o nascimento das filhas: “Poderei segurá-las no colo no Dia das Mães”. Divulgação/Akron Childrens Hospital

Durante o pré-natal a mãe das gêmeas, Sarah Thistlethwaite descobriu que as meninas viviam em seu útero sob condições raras: elas compartilhavam a  mesma bolsa amniótica. A situação das gêmeas monoamnióticas poderia implicar em um parto complicado e, por isso, desde o dia 14 de março Sarah estava sendo acompanhada diariamente pela equipe médica.

Nos últimos meses de gravidez, a mãe precisou ficar deitada enquanto as filhas foram monitoradas. Segundo os médicos, havia uma possibilidade grande de que os cordões umbilicais se enrolassem e pudem causar o estragulamento de uma delas. Mas, não foi isso o que aconteceu. Embora arriscado, o parto correu bem na 33ª semana de gestação.

A condição rara das gêmeas poderia levar o cordão umbilical das meninas a se enroscarem. Divulgação/Akron Childrens Hospital

“Elas já são melhores amigas”, disse a mãe emocionada. Jenna nasceu com  1,9 kg e 43 centímetros e sua irmã com 1,4 kg e 44,5 centímetros. Após nasceram, as garotas foram conduzidas para o CTI neonatal do hospital. A expectativa é de que as gêmeas recebam alta em duas ou quatro semas. O casal já possuem um filho de pouco mais de um ano. O pequeno Jaxson deve receber em breve as irmãs em casa.

Sarah emocionada com o nascimento das filhas: “Elas já são melhores amigas”. Divulgação/Akron Childrens Hospital

O pai das meninas, Bill maravilhado com as filhas. Divulgação/Akron Childrens Hospital

Ao site “Bild.de”, a mamãe das gêmeas contou:

“Eu mal podia acreditar. Quando elas saíram estavam de mãos dadas. Todos na sala de operação tinham lágrimas nos olhos”.

Ainda na maternidade, Sarah recebeu a visita da Dr. Melissa Mancuso, que a parabenizou pelo nascimento das gêmeas. Reprodução/Twitter (AkronChildrens)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios