Ex-prefeito de Mundo Novo rebate justificativa de atual que nomeou filho secretário

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.WWFCrOGzMzCitado pelo prefeito Luzinar Medeiros (PSD) como exemplo da nomeação de parentes para o primeiro escalão da Prefeitura de Mundo Novo – após nomear o próprio filho, Ícaro Medeiros, para secretário de Infraestrutura -, o ex-prefeito do município, Demostinho (DEM) rebateu as críticas do adversário político. “Eu fui prefeito de 2001 a 2004. Tanto eu quanto minha esposa somos funcionários públicos da Secretaria da Fazenda do Estado desde 1978. Na época que me elegi prefeito, ela pediu licença da secretaria, ficou cedida para a prefeitura, mas sem ônus para o município”, afirmou Demostinho, em contato com o Bahia Notícias. Segundo o ex-prefeito, era praxe das prefeituras indicar as esposas dos chefes de Executivo para cuidar da Secretaria Assistência Social, porém numa época em que ainda não havia profissionalização. “Eu não tenho porque achar que eu fiz algo de errado. E quando ela pediu licença do estado, ainda perdeu algumas vantagens. Mas ainda ficou recebendo pelo estado”, frisou Demostinho. Para o democrata, o fato da esposa ser formada em administração era um avanço para a época. “Aquilo que o Ícaro tem formação superior não é verdadeiro. Ele fez um curso à distância e nem sei se concluiu”, criticou o ex-prefeito.

 

fonte: bahia noticias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios