Despede-se para a eternidade a voz sonora de Tarcisio Magalhães, o Rouxinol de Itaberaba

Faleceu nesta madrugada por complicações cardíacas, o cantor dos grandes salões da boa musicalidade, Tarcisio Costa Magalhães, itaberabense da década de 40, ele embalou com sua voz tenor melodiosa, muitos corações apaixonados.

Intérprete dos grandes sucessos nacionais e internacionais, catou muito de Altemar Dultra, Lamartine Babo, a dupla Duo Ciriema e outros, formando Duetos inesquecíveis com sua irmã, a viúva Mercês Leal, dotada de suave voz sinfônica.

Ao lado de Dona Zenaide, seus filhos Cid, Tarcísio, Etienne e Mercês.

Filho do casal de familia tadicional da Av Rio Branco, Dona Zenaide Costa e João Cícero Magalhães, era o terceiro de cinco irmãos, Cid, Mercês, Tamar e o advogado Etienne.

Despedindo-se aos 71 anos, Tarcisio sempre foi um eterno apaixonado, tendo contraído mais de quatro uniões estáveis. Ele deixa os filhos Leonardo Oliveira Magalhães, João Cícero Magalhães Neto e Vivian Coralina Magalhães.

O sepultamento de Tarcisio se dará amanhã, na capital baiana, acompanhado por familiares, antigos e artistas, às 11h30, no cemitério Bosque da Paz.


Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios