Conheça os 10 hackers mais famosos da história da Internet

Os hackers são responsáveis por encher o imaginário dos usuários da Internet, uma vez que não faltam histórias sobre eles. Os cibercrimes, ou crimes cometidos na esfera digital, ocorrem por inúmeros motivos, como dinheiro, fama, inveja ou até mesmo puro prazer, tornando algumas pessoas que os cometem conhecidas por conta de suas más ações.. Confira, a seguir, uma lista com 10 dos principais hackers da história da Internet: Maiores hackers: David L. Smith Smith é a cabeça por trás do “worm Melissa”, vírus responsável por tirar do ar vários servidores de e-mails em 1999, prejudicando muitas empresas. O hacker foi detido e condenado a 10 anos de prisão em 2002, uma vez que causou um prejuízo de mais de US$80 milhões. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Para diminuir sua pena, Smith aceitou prestar serviços para o FBI. Ele encarou a missão de obter conexões entre autores de novos vírus, agindo contra vulnerabilidades em softwares e ajudando a prender os invasores. David L. Smith / Foto: ReproduçãoMaiores hackers: Robert Morris Outro hacker bastante conhecido é Robert Morris, que é filho do chefe do Centro Nacional de Segurança Computacional dos EUA. O hacker criou um vírus que infectou cerca de 6 mil computadores no ano de 1988, inutilizando-os completamente. Morris foi condenado pela lei de Abuso e Fraude de Computadores dos Estados Unidos, mas não chegou a cumprir pena e hoje trabalha como professor do MIT no Laboratório de Inteligência Artificial. Robert Morris / Foto: Reprodução/WikipediaMaiores hackers: Kevin Poulsen O hacker ficou famosos em 1990, quando obteve acesso às linhas telefônicas da KIIS-FM, interceptou as informações e forjou sua vitória em um concurso realizado pela rádio. Logo depois, Poulsen foi preso. Após cumprir pena, ele se tornou diretor do site Security Focus e editor da Wired. Kevin Poulsen / Foto: ReproduçãoMaiores hackers: Onel de Guzman Se você alguma vez temeu os vírus que eram enviados em forma de e-mail, com certeza esse hacker teve sua contribuição nisso. Guzman criou o vírus “I love you”, que era enviado no formato de um arquivo chamado “love-the-letter-for-you”. Uma vez que a vítima abrisse o anexo, o e-mail era enviado para os amigos em sua lista. O prejuízo causado pelo hacker com o malware totalizou em US$8,7 bilhões. Embora investigado, o hacker foi absolvido por falta de leis para crimes digitais nas Filipinas, seu país de origem. Onel de Guzman / Foto: Reprodução/StMU History MediaMaiores hackers: Vladimir Levin Esse hacker russo contribuiu para um ataque aos computadores do Citybank, desviando cerca de US$10 milhões das contas de vários clientes. Logo depois, ele foi preso pela Interpol. Vladimir Levin / Foto: ReproduçãoMaiores hackers: Jon Lech Johansen Johansen conseguiu burlar a proteção inserida nos DVDs comerciais de sua região e realizar cópias deles. Sob acusação de pirataria, seus pais foram processados em seu lugar, pois ele ainda era menor de idade. O juíz, no entanto, absolveu o ato cometido pelo hacker, dizendo que os DVDs são “mais frágeis do que livros” e, por isso, “as pessoas deveriam ter a possibilidade de manter uma cópia para uso pessoal”. Além da sorte de não ser condenado, Johansen conseguiu um emprego por conta de sua façanha: a função de testar os sistemas anticópias dos Blu-Ray. Jon Lech Johansen / Foto: Reprodução/WikipediaMaiores hackers: Jonathan James Esse hacker foi o primeiro a ser, de fato, preso por crimes digitais nos EUA. Ele conseguiu acesso aos computadores do Departamento de Defesa dos EUA e da NASA, com apenas 15 anos de idade. Posteriormente, ele foi investigado por uma suposta ligação com um roubo de dados de clientes de lojas virtuais, porém negou sua participação e se suicidou, dizendo que não acreditava mais no sistema judiciário. Jonathan James / Foto: ReproduçãoMaiores hackers: Raphael Gray Gray foi condenado por roubar 23 mil números de cartões de crédito na Internet, incluindo um de Bill Gates. Além de roubar os dados, o hacker juntou todos em dois sites: “ecrackers.com” e “freecreditcards.com”. Ele foi capturado pelo FBI em 1999. Raphael Gray / Foto: Reprodução/FacebookMaiores hackers: Adrian Lamo Esse hacker norte-americano invadiu o sistema do The New York Times e incluiu a si próprio na lista de colaboradores do popular jornal, o que resultou em sua prisão. Além disso, ele é conhecido por ter quebrado sistemas de segurança complexos, incluindo o da Microsoft, Yahoo!, entre outras grandes empresas. Adrian Lamo / Foto: ReproduçãoMaiores hackers: Kevin Mitnick Mitnick é considerado o hacker mais famoso da história. Em 1990, ele invadiu os computadores de operadoras de telefonia e Internet. Além disso, ele conseguiu enganar o FBI e se tornou um dos hackers mais procurados de toda a web. Em 1995, ele finalmente foi preso, mas liberado após 5 anos, embora tenha sido obrigado a permanecer por mais 3 sem usar a Internet. Hoje, ele é consultor de segurança digital. Kevin Mitnick / Foto: BBC Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Mortal Kombat 11: o jogo que finalmente disse “não” para a sexualização Astrônomos podem estar perto de encontrar as primeiras estrelas do universo NÃO PERCA ESSA | Mochila Acer para notebooks por apenas R$ 35,90 com Recarga Pay Os lançamentos do Amazon Prime Video em dezembro de 2019 Buraco negro “que não deveria existir” é encontrado na Via Láctea

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios