Aquecimento Global provoca altas temperaturas na Chapada Diamantina e atrai onda dw incendios devastadores

    Imagem cedida polo Corpo de Bombeiros.

Uma serie histórica jamais sentida de calor, nos pontos mais elevados da Chapada Diamantina, atinge cidades e o relevo, causando estranheza e sufocos na população, que passou a lutar inesperadamente contra inumeros focos de fogo e grandes incêndios florestais.

Para se ter uma visão do caos climático, cidades como Piata, a 1.280m de altitude, que sempre ostentou durante todo ano temperaturas de 5°’c a 8°’c nos invernos, oscilando entre 12°c a 22°c nas demais estações, ontem estourou em incríveis 31°c, superando Salvador que registrou 28°c.

Terra arrasada em consequência do fogo sem controle, alimentado pela alta temperatura(Foto Corpo de Bombeiros)

A mesma onda segue hoje em cidades como Mucugê 31°c; Distrito de João Correia 35°c; o povoado serrano de Igatu, de Andarai com 32°c; até a fria metrópole do sudoeste, Vitória da Conquista, elevada a. 32°c.

Tabela montada por internauta, demontra picos de temperatura.

Há um estado de alerta nas autoridades meteorológicas e cientificas que identificam o fenômeno climático em consequência do aquecimento global decorrente do intenso lançamento de gazes no Efeito Estufa, gerados pelo descontrole do consumo humano.

Incêndio na Serra das Almas

Helicoptero sobrevoa emapoio aos brigadista (Foto Corpo de Bombeiros)

Um incêndio de grande proporção que atinge uma área da cidade de Rio de Contas, no sudoeste da Bahia, na terça-feira (29), segue sendo combatido por bombeiros, brigadistas e militares do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer) nesta sexta-feira (1º). Já foram mais de 1000 hectares atingidos pelo fogo, o que equivale a aproximadamente 1000 campos de futebol.

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios