Antártica registra temperatura acima de 20°C pela primeira vez na história

Geleiras nas ilhas Shetland do Sul, na Antártica

A Antártica registrou temperatura de mais de 20ºC pela primeira vez na história, segundo o The Guardian. 

A reportagem do jornal britânico diz que a temperatura de 20,7ºC foi medida por cientistas brasileiros na ilha de Seymour, em 9 de fevereiro. A marca é quase um grau acima do recorde anterior, registrado na ilha de Signy em janeiro de 1982, 19,8ªC. 

Há menos de uma semana, a Organização Meteorológica Mundial (OMM) registrou uma temperatura de 18,3ºC na estação Esperança, que fica a cerca de 100 km da estação brasileira.  Os novos números ainda precisam ser confirmados pela OMM.

O brasileiro Carlos Schaefer, professor da Universidade Federal de Viçosa, disse ao jornal que a temperatura na península, nas Ilhas Shetland do Sul e no arquipélago de James Ross, onde fica Seymour, está irregula nos últimos 20 anos.

O pesquisador destaca que depois do resfriamento na primeira década do século, o aquecimento tem acontecido rapidamente.

“Estamos vendo essa tendência de aquecimento em muitos pontos que monitoramos, mas nunca desse jeito”, diz o professor, que atua no Terrantar, projeto do Programa Antártico Brasileiro. O grupo monitora 23 locais na Antártica. 

Os cientistas brasileiros acreditam que há influência das mudanças nos oceanos e de eventos ligados ao El Niño. “Temos mudanças climáticas na atmosfera, que estão intimamente ligadas às mudanças no permafrost e no oceano. A coisa toda está muito relacionada”. 
 

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios