Amazon tem alta de 35% na receita com serviços em nuvem — mas não comemora

O ecossistema em nuvem Amazon Web Services (AWS) continua sendo uma das principais fontes de receita da rede varejista, e no terceiro trimestre registrou alta de 35% na comparação com o ano passado. Ainda que os resultados do balanço apresentado pela companhia sejam expressivos, eles são um pouco menores do que o esperado pelos analistas e representam a menor taxa de crescimento dos últimos cinco anos. De acordo com o relatório da empresa de Jeff Bezos, a arrecadação total foi de US$ 9 bilhões, discretamente abaixo dos US$ 9,1 bilhões anteriores. Embora o montante seja alto, ainda assim foi abaixo da meta, o que não teria caído muito bem nos corredores da companhia. (Imagem: Reprodução/CNBC)No trimestre anterior, os negócios envolvendo nuvem tiveram alta de 37%. Lançado em 2006, o AWS é líder em infraestrutura de nuvem, à frente da Microsoft, Google, Alibaba, IBM e Oracle. A Microsoft, segunda em fatia de mercado, ampliou 59% dos ganhos da Azure, ainda que a empresa não divulgue os números reais de vendas da unidade. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- AWS tem sido destaque na receita da Amazon nas temporadas recentes Nos últimos quatro anos, o AWS forneceu a maior parte do lucro operacional da Amazon e, entre julho e setembro, o total foi de US$ 2,26 bilhões, um aumento de 9% em relação ao mesmo período da temporada passada (US$ 2,55 bilhões). A nuvem entregou 71% da receita operacional total e 13% dos ganhos totais. O lucro operacional somente do AWS cresceu 8,9%, que emprega o ritmo mais lento em quatro anos e meio. “Os custos associados à criação de equipes de marketing do AWS e maiores gastos com infraestrutura, em relação ao ano anterior, continuarão a funcionar contra a margem até o final do ano”, escreveram os analistas da Stifel. “Esperamos que a margem do AWS, que varia de trimestre para trimestre, caia na comparação ano a ano devido ao investimento.” No Q3, o AWS adquiriu a startup E8 no trimestre e anunciou a abertura de um grupo de data centers no Bahrein. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Que vantagens o Moto G8 Plus tem sobre o G7 Plus? OS PODEROSOS | Mi 9 Lite, Mi 9T e Mi 9T Pro a partir de R$ 1565 em 10x sem juros NASA comemora sucesso de experimento em Marte com selfie do rover Curiosity Zap Zap: 5 funções do app que não são encontradas no WhatsApp Modo sem fio do Android Auto chega ao Brasil em expansão da Google

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios