Abertas as inscrições do projeto que permite alunos da rede pública ‘viverem uma semana como deputado’

As inscrições para a primeira edição do Parlamento Jovem Baiano podem ser realizadas até o dia 07 de outubro. O projeto é uma iniciativa da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), presidida pelo deputado estadual Eduardo Salles (PP), e a Secretaria Estadual de Educação. A iniciativa é voltada para estudantes do ensino médio da rede pública entre 16 e 22 anos. O projeto permite aos jovens vivenciarem na prática o trabalho dos deputados estaduais, com contribuições para a elaboração de projetos de leis e debates em plenário de temas relevantes à população baiana.

O projeto permite aos jovens vivenciarem na prática o trabalho dos deputados estaduais | FOTO: Reprodução/Secom |
O projeto permite aos jovens vivenciarem na prática o trabalho dos deputados estaduais | FOTO: Reprodução/Secom |

Idealizador da implantação do projeto na Alba, Eduardo Salles acredita ser fundamental trazer os jovens para dentro do parlamento e permitir o entendimento do processo da elaboração de leis que interferem na vida de toda a população. “Queremos que a juventude contribua com ideias e críticas para o nosso processo legislativo e, dessa forma, fortaleçamos a construção de uma sociedade cada vez mais democrática”, explicou o deputado estadual. As inscrições podem ser realizadas no site da Assembleia Legislativa, onde também está disponível o regulamento com os critérios de participação.

Conforme o edital, o estudante produzirá uma redação com o tema “Juventudes baianas tecendo políticas públicas” e deve ter relação com uma das comissões da Alba: Meio Ambiente, Saúde, Agricultura, Desenvolvimento, Relações para Diversidade, Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia. “Só precisa escolher uma dessas comissões”, esclarece Eduardo Salles. Serão selecionados 27 alunos, um por cada território de identidade. O estudante deve escolher apenas um professor para orientá-lo durante o processo de elaboração do texto qualificatório.

Entre os dias 15 e 18 de novembro, os estudantes selecionados serão empossados como deputados jovens e estarão na Assembleia Legislativa para desenvolverem suas atividades no Poder Legislativo. Os docentes que acompanharão os alunos selecionados participarão em paralelo de um projeto de formação de professores em Letramento Político e Formação Cidadã.

Fonte: Jornal da Chapada

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios