Direto da RedaçãoFlashMilagres

Prefeito de Milagres anuncia antecipação dos salários, 13º e garante o Piso Nacional para os professores

O jovem gestor Cézar de Adério garantiu o resgate do integral do piso do professor.
O jovem gestor Cézar de Adério garantiu o resgate integral do Piso Nacional do professor.

A categoria dos professores está em festa no município de Milagres, crescendo a animação em torno da Festa de São João, pois o prefeito Cézar Rotondano Machado, o popular Cézar de Adério (PP) garantiu em reunião plenária na secretaria de educação, que todos os educadores efetivos com carga horária de 40h, a partir deste ano, receberão o piso nacional da categoria. “Demorou, mas chegou a hora de fazermos justiça com estes profissionais que preparam as nossas gerações para o futuro”, disse Cézar durante o encontro com os educadores.

Acompanhado pelo vice-prefeito Marcos Queiroz, o vereador Roberto de Lourival e a secretária Sandra Mara, da Educação, o prefito Cézar de Adério anunciou o Piso Nacional sob aplausos dos professores.
Acompanhado pelo vice-prefeito Marcos Queiroz, o vereador Roberto de Lourival e a secretária Sandra Mara, da Educação, o prefeito Cézar de Adério anunciou o Piso Nacional sob aplausos dos professores.

O prefeito anunciou o piso nacional, salientando que só agora passará a ser religiosamente pago pelos cofres da Prefeitura, através os recursos do FUNDEB, pois nenhum professor era respeitado pelas gestões passadas, afirmou o prefeito Cezar de Adério completando: “Depois de anos Milagres honra esse compromisso e paga  o piso nacional, valorizando a classe dos professores, que é nosso objetivo primordial”.

Antecipação salarial e parcela do 13º

Atentos ao novo piso salarial os professores lotaram a plenária da reunião com o prefeito.
Atentos ao novo piso salarial os professores lotaram a plenária da reunião com o prefeito.

Mas, a alegria não ficou só entre os professores, todas as demais categorias dos servidores municipais estão festejando, pois o prefeito anunciou o pagamento antecipado no próximo dia 22, para todos os trabalhadores do município, desde os garis, aos assistentes, educadores e os cargos de confiança. O jovem prefeito Cézar de Adério garantiu ainda o pagamento da 1ª Parcela do 13º Salário para todas as categorias, elevando o clima de animação para os festejos juninos deste ano.

Todos os servidores do município de Milagres, na atual Administração da Reconstrução, passaram a ser remunerados com base no piso nacional de cada categoria, além dos acréscimos de outras vantagens como, diárias, auxilio deslocamento, insalubridade etc. elevando a autoestima de todos os servidores municipais.

Piso superior a R$2.000

Cézar de Adério: Desde 2009 os ex-prefeitos nunca respeitaram o Piso Nacional dos nossos professores.
Cézar de Adério: Desde 2009 os ex-prefeitos nunca respeitaram o Piso Nacional dos nossos professores.

Servidores mais antigos comentam que no passado, as gestões fraudulentas lideradas pelo ex-prefeito derrotado Antônio Galego, não pagava o piso das categorias e, para engabelar os professores, inventava 14º salário, que a Câmara derrubou e fazia um rateio a cada final de ano, com a verba acumulada do FUNDEB, fazendo-se passar por falso benfeitor.

“Desde 2009 os ex-prefeitos nunca respeitaram o Piso Nacional dos nossos professores”, criticou o prefeito Cézar de Adério.

Com a decisão do prefeito Cézar de Adério, em fazer justiça com o setor de educação, todos os professores efetivos com 40 horas de atividades, receberão R$ R$ 2.298,80.

O encontro dos professores com o prefeito foi participativo.
O encontro dos professores com o prefeito foi participativo, tendo a secretaria Sandra Mara agradecido pelas inovações salariais.

Segundo fontes do Ministério da Educação, o reajuste do Piso Nacional do Professor para este ano ficou 1,35% acima da inflação medida em 2016, que fechou o ano em 6,29%. Em oito anos, o piso salarial dos professores aumentou quase 142%, de R$ 950, em 2009, para R$ 2.298,80, em 2017.

Salvador do Paraguaçu

Salvador do Paraguaçu ou Salvador Roger Pereira de Souza, é jornalista editor fundador do periódico O Paraguaçu em circulação desde 1976. Solteiro (divorciado) é um ambientalista dedicado em defesa do Rio Paraguaçu. Para tanto criou a ONG Fundação Paraguaçu, com a qual promove o Projeto Cariangó, que tem por meta o plantio de 1.0 milhão de árvores nativas na região do médio Paraguaçu e Chapada Diamantina. O projeto conta com a participação de empreendedores, muitos voluntários e recebe apoio da Fundação Interamericana - IAF, que firmou o convênio BR-898 com a doação de U$49.0 mil dólares, em apoio a etapa inicial da meta de 1.0 milhão de árvores a serem plantadas em cinco anos. O ano inicial é 2016.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close