Direto da RedaçãoFlashItaberabaPolícia

Ônibus da Emtram capotou nesta manhã, entre Mundo Novo e Piritiba, provocando vitimas de Itaberaba

Tem-se noticia que o grave acidente provocou uma tragédia com 8 vitimas fatais

Populares socorreram as vitimas logo após o capotamento do ônibus. (foto blog augustourgente)

Um ônibus da empresa Emtram lotado de turistas itaberabenses que se deslocaram em passeio para curtir o Parque Aquático na cidade de Jacobina, capotou na manhã desta quinta-feira, 12, em um trecho da estrada que liga Mundo Novo a Piritiba, próximo a Fazenda Duarte.

Informações preliminares dão conta que 8 pessoas vieram a óbito, enquanto os feridos estão sendo socorridas em hospitais da região.

Vitimas são socorridas no Hospital Dr. Carlos Ayres de Almeida, em Piritiba.

Conforme a Polícia Militar, que se encontra no local desde cedo, uma das vitimas, a Sra. Margarida, funcionária do guichê da empresa Águia Branca, da Rodoviária em Itaberaba, que seguia na viagem com familiares, foi socorrida mas veio a óbito. Até o momento não foi divulgada as causas do acidente, nem a lista das vitimas da ocorrência fatal.

Conforme a enfermeira Mariana, que atende no Hospital Dr. Carlos Aires de Almeida, na cidade de Piritiba, o ocorreram 8 mortes, sendo a maioria das vitimas socorridas naquela unidade de saúde. Ela salientou que a vitima Margarida recebeu atendimento no hospital mas não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito. Ainda exitem vitimas em óbito, no local do acidente, sob os cuidados a Policia Militar. A maioria das vitimas foram encaminhadas para hospitais de  Jacobina, Feira de Santana e Salvador.

 

Salvador do Paraguaçu

Salvador do Paraguaçu ou Salvador Roger Pereira de Souza, é jornalista editor fundador do periódico O Paraguaçu em circulação desde 1976. Solteiro (divorciado) é um ambientalista dedicado em defesa do Rio Paraguaçu. Para tanto criou a ONG Fundação Paraguaçu, com a qual promove o Projeto Cariangó, que tem por meta o plantio de 1.0 milhão de árvores nativas na região do médio Paraguaçu e Chapada Diamantina. O projeto conta com a participação de empreendedores, muitos voluntários e recebe apoio da Fundação Interamericana - IAF, que firmou o convênio BR-898 com a doação de U$49.0 mil dólares, em apoio a etapa inicial da meta de 1.0 milhão de árvores a serem plantadas em cinco anos. O ano inicial é 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close