FlashSaúdeTecnologia

Cientistas anunciam novo antibiótico eficaz contra bactérias resistentes

Nova pílula pode derrotar temíveis bactérias.
Nova pílula pode derrotar temíveis bactérias.

Cientistas anunciaram a descoberta, em um teste na Itália, de um novo antibiótico eficiente contra as bactérias resistentes.

O novo antibiótico, produzido por um micróbio encontrado no solo, que foi batizado como “pseudouridimycine” (PUM), conseguiu destruir uma ampla gama de bactérias, muitas delas resistentes, durante os testes de laboratório. Também foi capaz de curar alguns ratos infectados com escarlatina.

A descoberta foi publicada na revista americana Cell.

O pseudouridimycine neutraliza a polimerase, uma enzima essencial para todas as funções de cada organismo.

Seu mecanismo, no entanto, é diferente ao da rifampicina, uma categoria de antibiótico que atua na mesma enzima. Também é 10 vezes menos suscetível de desencadear resistência como os antibióticos atualmente no mercado.

O “pseudouridimycine” (PUM) matou 20 espécies de bactérias de laboratório e foi particularmente eficaz contra os estreptococos e estafilococos, que muitas vezes são resistentes a múltiplos antibióticos.

Os testes clínicos com o novo antibiótico podem começar em três anos e chegar ao mercado dentro de uma década, afirmaram os cientistas da Universidade Rutgers-New Brunswick e da empresa italiana de biotecnologia Naicons.

A descoberta demonstra mais uma vez que as bactérias encontradas no solo são a melhor fonte de novos antibióticos, destaca a pesquisa.

Salvador do Paraguaçu

Salvador do Paraguaçu ou Salvador Roger Pereira de Souza, é jornalista editor fundador do periódico O Paraguaçu em circulação desde 1976. Solteiro (divorciado) é um ambientalista dedicado em defesa do Rio Paraguaçu. Para tanto criou a ONG Fundação Paraguaçu, com a qual promove o Projeto Cariangó, que tem por meta o plantio de 1.0 milhão de árvores nativas na região do médio Paraguaçu e Chapada Diamantina. O projeto conta com a participação de empreendedores, muitos voluntários e recebe apoio da Fundação Interamericana - IAF, que firmou o convênio BR-898 com a doação de U$49.0 mil dólares, em apoio a etapa inicial da meta de 1.0 milhão de árvores a serem plantadas em cinco anos. O ano inicial é 2016.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close